Dropsy de mulheres gravidas - quão perigoso é este?

Casa e Família

Uma hidropisia de mulheres grávidas é considerada uma das maisformas comuns de toxicosis tardia. Esta condição é acompanhada por uma acumulação aumentada de líquido no corpo de uma mulher grávida. Por si só, a hidropisia não representa uma ameaça para a mulher ou o feto. No entanto, o exame regular do ginecologista e o cumprimento de certas regras de tratamento são simplesmente necessários, uma vez que, em alguns casos, essa condição pode se transformar em nefropatia e, às vezes, em eclampsia.

Dropsy de mulheres grávidas: razões. Na verdade, os médicos acreditam que a principal causa dessa violação são problemas com o sistema nervoso. Isso, por sua vez, leva a problemas com o sistema circulatório - as paredes dos vasos se tornam mais permeáveis, o equilíbrio de sais e fluidos no corpo é perturbado. Nos tecidos do corpo, é mantida uma grande quantidade de sais, principalmente cloretos, e, conseqüentemente, a água começa a se acumular. Geralmente, o líquido se acumula no tecido subcutâneo.

Dropsy de mulheres grávidas: sintomas. O sinal mais notável de hidropisia na gravidez é inchaço. Esta condição, na maioria dos casos, acompanha a primeira gravidez e aparece nos últimos 3 a 4 meses. Significativamente, menos vezes há inchaço no último mês de gravidez ou imediatamente antes do parto. Em regra, esta condição é precedida por infortúnio latente, o que é muito fácil de notar se for regularmente pesado. O fato é que com o acúmulo de líquido no corpo, uma mulher começa a ganhar peso em peso.

Primeiro, os pés e as pernas estão inchando. Em estágios posteriores, a doença aumenta e cobre os órgãos pélvicos. O último estágio de desenvolvimento de hidropisia é chamado de "edema geral". O fato é que, nesse estado, o corpo inteiro aumenta, incluindo braços, ombros e rosto.

Dropsy de gravidez: quão perigoso é? Como já mencionado, a hidropisia de mulheres grávidas em si não pode prejudicar o corpo da mãe ou o corpo do nascituro. Primeiro, o líquido nunca se acumula nas cavidades serosas. Em segundo lugar, os rins, coração e outros órgãos funcionam perfeitamente normalmente. Ao analisar a urina, não são encontradas anormalidades. A única coisa que preocupa a futura mãe, é a constante gravidade e limitações nos movimentos, o que é explicado por um aumento significativo no peso corporal. Às vezes, os sintomas desaparecem várias semanas antes do nascimento. Em qualquer caso, a hidropisia ocorre imediatamente após o nascimento da criança.

Por outro lado, existem casos em queA hidropisia entrou em condições mais graves - por exemplo, nefropatia ou eclampsia. É por isso que as mulheres neste estado devem ser examinadas regularmente por um médico que as leva durante a gravidez. E, embora o tratamento da hidropisia seja realizado, como regra, em casa, com infortúnio estável, às vezes é necessário colocar uma mulher no hospital.

Dropsy de gravidez: tratamento. O sucesso do tratamento da hidropisia depende principalmente da conformidade da mulher com o regime correto, bem como da nutrição racional. Uma futura mãe com inchaço precisa de um descanso na cama. É desejável que, sob seus pés, sempre havia um travesseiro.

Além disso, você precisa prestar atençãoalimento Essas mulheres são encorajadas a abandonar o sal, bem como alimentos fritos e muito gordurosos. É melhor comer laticínios, queijo cottage, queijo, kefir, creme azedo. Além disso, recomenda-se o uso de legumes e frutas frescas. Você também precisa limitar a quantidade de líquido que você ingere - não mais do que um litro por dia.

Quanto ao tratamento medicamentoso,Tudo se resume à indicação de preparações vitamínicas, bem como drogas fracas com efeito diurético, que ajudam a remover o excesso de água do corpo. Como regra geral, quando todas as regras são seguidas, o edema desaparece, mas pode aparecer novamente se a gestante retornar ao modo de vida anterior.